terça-feira, 23 de outubro de 2007

Canais

Fluxos criadores de mundos. Fluxos de linhas, fluxos de cores, fluxos de texturas, fluxos de palavras. Fluxos de uma mesma região e que aparecem em diferentes modos de expressão.
De onde eles vêm? Nunca saberemos. Mas, às vezes eles vêm. E então vale a pena estar vivo para poder deixá-los vir à luz. Um jorro de linhas que forçam uma abertura
e produzem conexões sinápticas para se atualizarem.

Nenhum comentário: